Cree en grande.
CONMEBOL

O templo do futebol sul-americano no auge de uma final do outro mundo

O templo do futebol sul-americano no auge de uma final do outro mundo
  • O mítico Estádio Jornalista Mário Filho - o Maracanã do Rio de Janeiro, um dos mais importantes palcos esportivos do mundo, mostra-se esplêndido e em excelentes condições apenas algumas horas antes da tão ansiosamente esperada Final Única da CONMEBOL Libertadores.
  • A CONMEBOL mais uma vez realizou um trabalho meticuloso para elevar o padrão de qualidade do gramado, um trabalho liderado pela Engenheira Agrônoma, Maristela Kuhn.

Uma final do outro mundo merece um estádio de primeira classe como o Maracanã, um lugar de rica história e imponente infraestrutura, que, horas antes do esperado jogo entre Palmeiras e Santos, apresenta um aspecto espetacular com um gramado magnífico, graças ao trabalho realizado pela Agrônoma Maristela Kuhn, membro da Direção de Competições de Clubes da CONMEBOL.

O gramado é essencial para o desenvolvimento do jogo, razão pela qual a CONMEBOL realiza estas inspeções e trabalhos meticulosos de cuidado e proteção para elevar o padrão de qualidade a fim de melhorar a coloração, densidade e altura no dia da grande final.
 

"Estamos buscando uma uniformidade de altura e solo. Além disso, as linhas devem ter uma cor brilhante, que seja muito fácil de ver durante o jogo e uma altura predeterminada, 120 mm, 12 cm, que combine com o gol, esses são alguns detalhes do trabalho feito nos últimos dias", explicou Kuhn.


A reconhecida engenheira agrônoma inspecionou o estado do campo meses antes do jogo, para logo elaborar um relatório e realizar seu trabalho, que foi intensificado nos dias prévios ao grande jogo. Assim como aconteceu na final da CONMEBOL Sudamericana.

"O importante nestes torneios, quando a CONMEBOL designa um estádio, é a inspeção que devo fazer no gramado e minha missão é elevar seu padrão para que esteja à altura deste torneio tão prestigioso", disse a profissional.

O lendário Maracanã é um estádio que não precisa de apresentações. É um dos maiores coliseus do futebol sul-americano e mundial, porém, para a engenheira agrônoma "é apropriado fazer esses cuidados para melhorar sua qualidade e que o futebol consiga alcançar melhores resultados tanto no jogo quanto na estética".

"Minha missão, como engenheira agrônoma da CONMEBOL, é aumentar e dar maior prestígio, não apenas ao campo de jogo, mas ao futebol sul-americano, que terá um grande legado com tudo o que temos desenvolvido", disse Kuhn.
 

Este é um importante legado deixado pela Final Única da CONMEBOL Libertadores e forma parte dos cursos de manutenção de gramados dados pela Direção de Competições de Clubes da CONMEBOL, desde 2018.

 

 

CONMEBOL.com

Fotos: Staff Images